Orquestra Juvenil de Viseu

18 Abril, 2021 pelas 19h00 (domingo)
na Igreja do Seminário Maior de Viseu

Concerto livestreaming em: www.musicadaprimavera.pt // Youtube

Programa

GUSTAV HOLST (1874-1934)
St Paul’s Suite (Op. 29, No. 2)
I. Jig: Vivace
II. Ostinato: Presto
III. Intermezzo: Andante con moto
IV. Finale (The Dargason): Allegro

PERCY GRAINGER (1882-1961)
Irish Tune from County Derry

BÉLA BARTÓK (1881-1945)
Romanian Folk Dances (Sz. 68)
I. Jocul cu bâtă (Stick Dance)
II. Brâul (Sash Dance)
III. Pe loc (In One Spot)
IV. Buciumeana (Dance from Bucsum)
V. Poarga Românească (Romanian Polka)
VI. Mărunțel (Fast Dance)

GABRIEL FAURÉ (1845-1924)
Pavane*

arr. LEROY ANDERSON (1908-1975)
Irish Suite
Part 1
Part 2

Ficha Artística

Orquestra Juvenil de Viseu
Claúdio Ferreira – Maestro
*Coro Misto do Conservatório de Música de Viseu
*Cristina Aguiar – Mestrina do Coro Misto

Mecenas: Freguesia de Viseu


Esta orquestra está ancorada na parceria de um município que cada vez mais se tem afirmado como polo cultural – Câmara Municipal de Viseu e de uma instituição com marca de qualidade formativa na educação artística – Conservatório Regional de Música de Viseu Dr. José de Azeredo Perdigão.
Tendo como pontos de partida uma dinâmica de formação contínua e integração dos recursos das várias instituições que se dedicam à prática musical no concelho de Viseu, a Orquestra Juvenil de Viseu tem como principais objetivos: a formação de jovens músicos do Concelho de Viseu; a formação de públicos; a realização de concertos pedagógicos para crianças do 1º ciclo; a promoção do património cultural da cidade e região.
Este projeto procura através das duas valências: cultura e formação criar uma orquestra que esperamos vir a ser reconhecida pela qualidade do seu trabalho.
A Orquestra Juvenil de Viseu tem realizado vários concertos na cidade de Viseu nomeadamente na abertura do Festival Internacional de Música da Primavera de Viseu, nas comemorações do dia do Município entre outros. Em 2016, participou nas comemorações do 40º Aniversário da Associação Nacional de Municípios na cidade de Coimbra.
Apesar da sua juventude, a OJV conta já com um vasto repertório assente em diferentes formações, épocas e compositores tais como: Vivaldi, Mozart, Verdi, Schubert, Debussy, Bizet, Gershwin, Rutter, Dvorak, Beethoven.
A Orquestra Juvenil de Viseu é dirigida pelo maestro Cláudio Ferreira.

Biografias

CLÁUDIO FERREIRA
Cláudio Ferreira iniciou os estudos musicais na Banda Bingre Canelense, prosseguindo a sua formação em trombone no Conservatório de Música de Aveiro e posteriormente na ARTAVE. Licenciou-se em Trombone e concluiu um Mestrado em Pedagogia do Instrumento, um Mestrado em Teoria e Formação Musical e um Mestrado em Direção pela Universidade de Aveiro com o maestro Ernst Schelle. No âmbito deste último Mestrado, sob orientação do maestro António Vassalo Lourenço, editou a obra Suite Africana de Frederico de Freitas, publicada pela AvA Musical Editions.
Trabalhou com pedagogos e maestros, tais como António Saiote, Christopher Bochmann, Jean-Sábastien Béreau, Alberto Roque, Pascual Vilaplana e Jean-Marc Burfin e colaborou com diversas orquestras, nomeadamente a Orquestra Clássica da Madeira e a Orquestra do Algarve. Trabalhou ainda a sua técnica de direção de orquestra com o maestro Pedro Neves. Colaborou, como professor de naipe, com a Orquestra Clássica de Espinho.
Tem vindo a dirigir um número crescente de concertos em importantes locais e salas, sendo regularmente convidado para orientar estágios de orquestra. Apresentou-se em concerto com a distinta solista internacional Elisabete Matos, dirigindo Árias de Ópera de Verdi, Boito e Puccini. Dirigiu recentemente, como maestro convidado, a Orquestra Sinfónica da Escola Profissional de Artes Performativas da Jobra, a Orquestra Filarmonia das Beiras, a Orquestra e Coro do Projeto Xiquitsi em Maputo – Moçambique, a Orquestra Clássica do Centro e, como maestro assistente, a Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música.
Atualmente é o maestro responsável pelos estágios de orquestra que os municípios de Trancoso, Mêda, Moimenta da Beira, Aguiar da Beira e Vila Nova de Foz Côa organizam conjuntamente. É o maestro titular da Orquestra Juvenil de Viseu e docente no Conservatório Regional de Música, Dr. José de Azeredo Perdigão.