21-destaque

1P. Teresa Correia & Isolda Crespi Rubio // 2P. Jie Yuan

21 Abril, 2017 pelas 21h00 (sexta-feira)
no Museu Nacional Grão Vasco


Entrada: 5€ ou 2.5€ para público afeto ao Conservatório

1.ª Parte: Teresa Correia & Isolda Crespi Rubio

21abr-teresaisolda

Programa

H. VIEUXTEMPS (1820-1881)
Elegie op. 30 para viola e piano

N. ROTA (1911-1979)
Intermezzo para viola e piano

I. STRAVINSKI (1882-1971) / G. PERGOLESI (1710-1736)
Suite Italiana

Introduzione
Serenata
Tarantella
Toccata
Gavotta con due Variazione Menuetto e Finale

Ficha Artística

Viola d’arco: Teresa Correia
Piano: Isolda Crespi Rubio

Biografias

TERESA CORREIA
Natural de Vila Nova Famalicão, Teresa Correia iniciou os seus estudos na Escola Profissional Artística do Vale do Ave – Artave, nas classes dos professores David Lloyd e Jorge Alves. Em 2001 ingressou na Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo do Porto na classe do professor Ryszard Woycicki, terminando a Licenciatura com a classificação máxima. Frequentou masterclasses com Barbara Friedhof, Igor Souliga, Ana Bela Chaves, Trevor Mactait, Aida-Carmen Soanea e Tatjana Masurenko.
É também detentora de vários prémios, destacando-se o primeiro prémio em viola d’arco nível médio no concurso Prémio Jovens Músicos, o segundo prémio em viola d’arco nível superior e o primeiro prémio na categoria de Música de Câmara nível superior com o Quarteto de Cordas Freitas-Branco (do qual é membro fundador), no mesmo concurso. Destaca-se ainda o Prémio Helena Sá e Costa, a medalha de mérito de melhor aluna da Licenciatura do Instituto Politécnico do Porto em 2006, o prémio Rotary Club do Porto e o Prémio Engenheiro António de Almeida.
Tocou a solo com a Orquestra Gulbenkian, com a Orquestra Sinfonietta de Lisboa e a Orquestra Artave. Tem sido convidada a orientar masterclasses de viola d’arco e de música de câmara em algumas das principais escolas de música do país.
É Mestre em Ciências da Educação – Música, pela Universidade Católica do Porto e leciona, atualmente, na Escola Profissional e Artística do Vale do Ave – Artave.

ISOLDA CRESPI RUBIO
Natural de Barcelona, licenciou-se em piano pelo Royal College of Music (Londres) na classe do Professor John Barstow. Em 2013 concluiu o Mestrado em Ciências da Educação, Música, na Universidade Católica Portuguesa e publicou a sua tese com o título “O Professor Invisível. A influência do pianista acompanhador na aprendizagem musical dos estudantes de instrumento” pela Editora “Novas Edições Acadêmicas”.
Atuou em recitais como solista e pianista acompanhadora em Espanha, Portugal, França, Suíça, Reino Unido, Dinamarca, Brasil e Coreia do Sul.
Acompanha com frequência masterclasses, audições e concursos e tem gravado e tocado em direto em várias ocasiões para Antena 2. Apresenta-se regularmente com a flautista Adriana Ferreira com quem gravou em 2011 o CD “Danse des Sylphes” para a discográfica Numérica e em 2015 para a revista italiana “Falaut”. Tem tocado com solistas de prestígio internacional como Stefan Schulz, Catalin Rotaru, Vincent Lucas, Ian Bousfield, Benoit Fromanger, Fritz Damrow e Giorgio Mandolesi, entre outros.
Em 2014 apresentou-se a solo com a Orquestra Artave interpretando o Segundo Concerto para piano e orquestra de Rachmaninov. Orientou o Curso de Piano dos Cursos de Aperfeiçoamento Técnico-Interpretativo do Conservatório de Música de Paredes (2015 e 2016) e uma masterclass de piano e de música de câmara na Universidade de Santa Maria (Rio Grande do Sul) dentro do Festival Harmos Brasil 2015.
Atualmente é pianista acompanhadora na Escola Profissional Artística do Vale do Ave (Artave), e Professora assistente convidada na Universidade do Minho e na Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo do Porto (ESMAE).

2.ª Parte: Jie Yuan

21abr-yuan

Programa

G. LIGETI (1923-2006)
Musica Ricercata Nos. 3, 5 e 6

F. CHOPIN (1810-1849)
24 Preludes, Op.24

Detentor do prestigiado Artist Diploma da Juilliard School, o pianista chinês Jie Yuan foi nomeado Jovem Embaixador Nacional das Artes pelo China State Council. O New York Times declarou a seu respeito que “a sua técnica perfeita e musicalidade fazem dele, sem dúvida, um líder nesta geração de pianistas” e foi avaliado por Mr. Dubai como “o indispensável poeta do piano nesta nova geração de pianistas” no famoso documentário “The Golden Age of Piano”.
De momento, Jie Yuan ocupa cargos em três importantes conservatórios na China: Chefe do Departamento de Piano no Harbin Conservatory of Music, Vice Presidente e Chefe do Departamento de Piano no JiLin College of the Arts, assim como Vice Presidente e Diretor de Assuntos Internacionais na Hangzhou Liangzhu International Arts Academy. É também Image Ambassador da Hong Kong Piano Music Society, Image Ambassador do China – South Korea International Arts Festival e Image Ambassador da Beijing University Love Foundation.
Para a temporada 2016-2017, Jie agendou 128 concertos em 12 países diferentes em mais de 80 cidades. Para além de recitais a solo e concertos com mais de 20 orquestras pelo mundo inteiro, foi convidado pelo Governo Francês a participar no concerto nacional comemorativo dos 200 anos da Batalha de Waterloo e pelo Ministro dos Negócios Estrangeiros da China para se apresentar na cerimónia de abertura do “China National Day” em 2016.
No documentário “Insight to China – the Key to Success” produzido pelo CCTV English Channel, Jie Yuan, Yundi Li, e Lang Lang foram entrevistados a propósito das suas histórias de sucesso. Jie foi ainda protagonista do programa especial de TV “Jie Yuan – Conquering the American Audience with Piano” pelo CCTV Chinese International Channel e do documentário especial “The Piano Poet – Yuan Jie”, pela Changchun TV.
Jie ganhou os principais prémios em Concursos Internacionais de Piano como Van Cliburn, Busoni, Casagrande, Bechstein, Shanghai, Hamamatsu, Crescendo, Seattle e Hong Kong. Fez concertos pelos cinco continentes e em mais de 500 cidades. Apresentou-se nas mais famosas salas de concerto, incluindo o Carnegie Hall, a Wiener Musikverein, o National Centre for the Performing Arts na China, entre outras. Tocou com inúmeras orquestras, como a famosa New York Philharmonic, a Dresden Philharmonic, a Bavarian Radio Symphony Orchestra, a China Philharmonic Orchestra, e quase quarenta outras orquestras. Muito recentemente Jie foi jurado chefe e dirigiu, durante dois meses, um live show na TV, “2014 China Central Television Piano and Violin Competition”. Além disso, Jie integrou os júris em muitos concursos internacionais, incluindo o Animato em Paris, Seoul, Macau, Taiwan, Hong Kong International Piano Competition e muitos outros.
Jie Yuan nasceu em Changchun, China e a sua formação passou pela Texas Christian University, pela The Juilliard School, pela Manhattan School of Music e pela Lake Como International Piano Academy. Entre os seus professores estão nomes como Li Xiao, Tamas Ungar, Yoheved Kaplinsky, Solomon Mikowsky e William Nabore.

Os concertos em fotografias